AgendaO CinemaContactos

A

A

A

Foto capa perfeicao bachFoto capa perfeicao bach
A Perfeição de Bach | Orquestra Metropolitana de Lisboa
Icon projeto educativoProjeto Educativo
Sala MDO

Afim de Filmes 

 

O Projeto Educativo do Cinema São Jorge tem o propósito de desenvolver laços mais fortes entre a comunidade e o seu equipamento cultural de proximidade. Laços que reforcem o Cinema enquanto expressão criativa e o Cinema enquanto espaço (físico e imaginativo) de interação social, pessoal e artística. Partindo daqui, avançamos para uma série de atividades que se querem inclusivas e direcionadas a diferentes públicos e segmentos. Com este projeto pretendemos abrir as portas do Cinema São Jorge a todos, com especial atenção nos nossos ‘vizinhos’, velhos e novos, cinéfilos e curiosos, criando uma relação de proximidade com a comunidade local e laços mais fortes e duradouros com o público que frequenta o cinema. 

 

 

Visite aqui o site do projeto; mais informações através de projetoeducativo@cinemasaojorge.pt 

 

------------------------------

 

Histórias da Formiga Rabiga #3

 

A Perfeição de Bach | Orquestra Metropolitana de Lisboa
 

J. S. Bach Suíte Orquestral N.º 2, BWV 1067

 

Narração: Susana Henriques

Flauta e Direção Musical: Janete Santos

 

Johann Sebastian Bach é considerado por muitos o maior compositor de todos os tempos, o pai da música ocidental. Não é que a tenha inventado, mas tudo o que fez influenciou-a profundamente, apontando caminhos e soluções que se tornaram por todos aceites enquanto modo de conhecimento, como se aí tivesse sido alcançado um qualquer tipo de perfeição. Em torno desta ideia, é tão frequente ouvirmos comparar a sua música com formulações matemáticas de rigor absoluto como com revelações divinas que ultrapassam a razão. Seja qual for a perfeição em causa, o sentimento que continuamos a ter quando ouvimos a sua música é o de que nada tem de supérfluo. Com criatividade, até poderíamos acrescentar uma ideia ou outra. Mas nunca nos atreveríamos a retirar uma única nota da partitura. Neste encontro das Histórias da Formiga Rabiga sentamo-nos à volta de uma dessas partituras, a célebre Suíte Orquestral N.º 2, um conjunto de danças orquestrais que nunca foram pensadas para serem dançadas. Por entre as cordas da orquestra e do tradicional baixo contínuo, destaca-se aí a flauta transversal, em particular na célebre Badinerie, uma preciosidade que todos reconhecemos de imediato, plena de graça e fantasia.

 

O Ciclo Histórias da Formiga Rabiga da Orquestra Metropolitana de Lisboa fazem parte do Afim de Filmes – Projeto Educativo do Cinema São Jorge

 

 



Informações Úteis

IMPORTANTE

- No quadro do esforço nacional de contenção da propagação da COVID-19, a lotação das salas encontra-se limitada. O uso de máscara é obrigatório. Conheça todas as normas e recomendações aqui.

 

Bilhetes: 8 euros

Horários

16 Mai

Dom: 11:00